(49) 3442.0358

Liturgia diária › 20/05/2017

Sábado da 5ª Semana da Páscoa

saus20 de Maio de 2017

Cor: Branco

1ª Leitura (At 16,1-10)

‘Vem à Macedônia e ajuda-nos!’

Leitura dos Atos dos Apóstolos
Naqueles dias:
Paulo foi para Derbe e Listra.
Havia em Listra um discípulo chamado Timóteo,
filho de uma judia, crente, e de pai grego.
Os irmãos de Listra e Icônio
davam bom testemunho de Timóteo.
Paulo quis então que Timóteo partisse com ele.
Tomou-o consigo e circuncidou-o,
por causa dos judeus que se encontravam nessas regiões,
pois todos sabiam que o pai de Timóteo era grego.
Percorrendo as cidades,
Paulo e Timóteo transmitiam as decisões
que os apóstolos e anciãos de Jerusalém haviam tomado.
E recomendavam que fossem observadas.
As igrejas fortaleciam-se na fé
e, de dia para dia, cresciam em número.
Paulo e Timóteo atravessaram a Frígia
e a região da Galácia,
pois o Espírito Santo os proibira
de pregar a Palavra de Deus na Ásia.
Chegando perto da Mísia,
eles tentaram entrar na Bitínia,
mas o Espírito de Jesus os impediu.
Então atravessaram a Mísia
e desceram para Trôade.
Durante a noite, Paulo teve uma visão:
na sua frente, estava de pé
um macedônio que lhe suplicava:
‘Vem à Macedônia e ajuda-nos!’
Depois dessa visão,
procuramos partir imediatamente para a Macedônia,
pois estávamos convencidos
de que Deus acabava de nos chamar
para pregar-lhes o Evangelho.
– Palavra do Senhor.
 – Graças a Deus.


Salmo (Sl 99, 2. 3. 5 (R. 2a)
R. Aclamai o Senhor, ó terra inteira.
Ou: Aleluia, Aleluia, Aleluia

Aclamai o Senhor, ó terra inteira,
servi ao Senhor com alegria,*
ide a ele cantando jubilosos!R.

Sabei que o Senhor, só ele, é Deus,
Ele mesmo nos fez, e somos seus,*
nós somos seu povo e seu rebanho.R.

Sim, é bom o Senhor e nosso Deus,
sua bondade perdura para sempre,*
seu amor é fiel eternamente!R.


Evangelho (Jo 15,18-21)

Não sois do mundo, porque eu vos escolhi e apartei do mundo.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São João
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
Se o mundo vos odeia,
sabei que primeiro me odiou a mim.
Se fôsseis do mundo,
o mundo gostaria daquilo que lhe pertence.
Mas, porque não sois do mundo,
porque eu vos escolhi e apartei do mundo,
o mundo por isso vos odeia.
Lembrai-vos daquilo que eu vos disse:
‘O servo não é maior que seu senhor’.
Se me perseguiram a mim,
também perseguirão a vós.
Se guardaram a minha palavra,
também guardarão a vossa.
Tudo isto eles farão contra vós por causa do meu nome,
porque não conhecem aquele que me enviou.
– Palavra da Salvação.
 – Gloria a Vós Senhor


Reflexão (Jo 15, 18-21)

 

Todas as pessoas vivem segundo uma hierarquia de valores que norteiam a sua existência. Esta hierarquia de valores é determinada pelas experiências da vida, pela educação recebida, pela cultura em geral e pelos conhecimentos adquiridos. Quando uma pessoa é de fato alguém de fé, a fé passa a ser o elemento fundamental da sua hierarquia de valores, toda a sua vida é direcionada para ela e todos os esforços são no sentido de defender e assumir esses valores. Mas quem vive segundo a hierarquia de valores proposta pelo mundo, defende com todas as suas forças os valores do mundo e combate os valores da fé, odiando quem é de Jesus.


senaSanto Do Dia

São Bernardino de Sena

Na Itália, Bernardino nasceu na nobre família senense dos Albizzeschi, em 8 de setembro de 1.380, na pequena Massa Marítima, em Carrara. Ficou órfão da mãe quando tinha três anos e do pai aos sete, sendo criado na cidade de Sena por duas tias extremamente religiosas, que o levaram a descobrir a devoção a Nossa Senhora e a Jesus Cristo.

Depois de estudar na Universidade de Sena, formando-se aos vinte e dois anos, abandonou a vida mundana e ingressou na Ordem de São Francisco, cujas regras abraçou de forma entusiasmada e fiel. Apoiando o movimento chamado “observância”, que se firmava entre os franciscanos, no rigor da prática da pobreza vivida por são Francisco de Assis, acabou sendo eleito vigário geral de todos os conventos dos franciscanos da observância.

Aos trinta e cinco anos de idade, começou o apostolado da pregação, exercido até a morte. E foi o mais brilhante de sua época. Viajou por toda a Itália ensinando o Evangelho, com seus discursos sendo taquigrafados por um discípulo com um método inventado por ele. O seu legado nos chegou integralmente e seu estilo rápido, bem acessível, leve e contundente, se manteve atual até os nossos dias. Os temas frequentes sobre a caridade, humildade, concórdia e justiça, traziam palavras duríssimas para os que “renegam a Deus por uma cabeça de alho” e pelas “feras de garras compridas que roem os ossos dos pobres”.

Naquela época, a Europa vivia grandes calamidades, como a peste e as divisões das facções políticas e religiosas, que provocavam morte e destruição. Por onde passava, Bernardino restituía a paz, com sua pregação insuperável, ardente, empolgante, até mesmo usando de recursos dramáticos, como as fogueiras onde queimava livros impróprios, em praça pública. Além disso, como era grande devoto de Jesus, ele trazia as iniciais JHS – Jesus Salvador dos Homens -, entalhadas num quadro de madeira, que oferecia para ser beijado pelos fiéis após discursar.

As pregações e penitências constantes, a fraca alimentação e pouco repouso enfraqueciam cada vez mais o seu físico já envelhecido, mas ele nunca parava. Aos sessenta e quatro anos de idade, Bernardino morreu no convento de Áquila, no dia 20 de maio de 1444. Só assim ele parou de pregar.

Tamanha foi a impressão causada por essa vida fiel a Deus que, apenas seis anos depois, em 1450, foi canonizado. São Bernardino de Sena é o patrono dos publicitários italianos e de todo o mundo.

A Igreja também celebra hoje a memória dos santos: Columbano de Rieti e Austregésilo.

Fonte:Franciscanos.org.com