Bairro Fragosos « Paróquia Nossa Senhora do Rosário

(49) 3442.0358

Bairro Fragosos

Fragosos é considerada a comunidade mais antiga de Concórdia, tendo sido criada em 1904, e o município só passou a existir, de maneira emancipada, em 1934. Tudo começou quando o Coronel Miguel Fragoso comprou algumas terras da empresa Mosele. Assim, ele e sua família, provenientes da cidade de Rio Negrinho/SC, vieram colonizar essa região.

O Coronel começou trazendo alguns caboclos de outros lugares, para que ajudassem a desbravar e a colonizar essas terras. Ele tinha a intenção de tornar essa parte do planeta um bom lugar para se viver. Acompanhou Fragoso nesta empreitada seu genro, Pedro Ruth Schmidt. Posteriormente, chegaram as famílias Lima, Amaral, Brum de Camargo e Silva. Mais tarde, por volta de 1928, vieram alguns italianos para se instalarem nesse mesmo lugar.

O trabalho desses pioneiros foi bastante árduo, pois estavam isolados em meio à mata. A necessidade de construir estradas era urgente, uma vez que elas eram também o único meio de comunicação com o restante da população. Em virtude de o Coronel Miguel ter sido a pessoa que iniciou a ocupação dessa região, foi dado seu sobrenome como homenagem ao atualmente bairro Fragosos.

Acredita-se que a primeira capela do Município de Concórdia tenha sido a de Fragosos, embora não haja consenso disso. Há quem diga que a primeira igrejinha teria sido construída em Santo Antônio. Dissenso à parte, o padroeiro do bairro Fragosos é São Sebastião desde imemorável data. O terreno onde foi construída a primeira capela, ainda de madeira, foi doado pela família Ruth Schmidt em 1932. Nessa época, as Santas Missas eram celebradas a cada dois meses por padres franciscanos que vinham ou de Lages/SC ou de Palmas/PR. Nessas mesmas ocasiões, realizavam-se os batizados, casamentos e as primeiras comunhões das crianças.

A partir de 1947, as famílias que residiam nessa localidade começaram a cogitar a construção de uma nova igreja. As famílias Secchi e Neotti doaram o espaço e a família Rigo doou e serrou toda a madeira necessária para a nova edificação. No dia 17 de fevereiro de 1949, Frei Achilles Klocknor realizou a inauguração desse templo. Nesse período, a paróquia de Concórdia já havia sido criada e, portanto, a assistência religiosa era muito mais frequente.

Em 1980, essa capela demolida para dar espaço para a nova igreja e para um Centro Comunitário. O término da construção da igreja de alvenaria e sua inauguração aconteceram no ano de 1986 e permanece até os dias de hoje. Nela se faz a Celebração da Palavra (culto) todos os domingos e, uma vez por mês, acontece a Santa Missa.

O bairro Fragosos encontra-se localizado a 6km do centro de Concórdia, próximo ao Distrito de Santo Antônio. No início, eram cinco famílias. Em 2004, quando foi feito um levantamento para a festa dos 100 anos da comunidade, moravam nesse bairro cerca de 145 famílias.

Agora, algumas curiosidades sobre Fragosos:

– os pioneiros viajavam dias a cavalo para comprar mantimentos, pois só plantavam milho, feijão e trigo, além de criar suíno e gado;

– a farinha de biju era um dos alimentos preferidos dos moradores da comunidade;

– em 1943, uma forte seca assolou a comunidade, sendo que o rio Fragoso, de onde as famílias pegavam a água, chegou a secar quase que completamente;

– por volta de 1948, houve uma invasão de gafanhotos que destruiu grande parte das plantações e, por conseguinte, morreram muitas cabeças de gado;

– a comemoração dos cem anos da comunidade foi realizada no dia 24 de outubro de 2004, com grandíssima participação de público;

– em 1994, ao lado da capela, trouxeram a sede do Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Fronteira da Querência.